Jacutinga sempre rende fotos boas

  • Texto: Claudia Komesu e Geiser Trivelato (a parte que relata os locais visitados e principais espécies vistas)
  • Fotos: Claudia. Nikon D800 e lentes Sigma 50-500 e Nikkor 300 f4. Fotos macro com Nikon D300 e lente Nikkor 105
  • Passeio guiado por Geiser Trivelato
  • Originalmente publicado no www.virtude-ag.com

Jacutinga tem sido um dos meus destinos favoritos para passarinhar. Já fui três vezes, e sempre com ótimos resultados. Pra quem fica mais na região da Mata Atlântica de São Paulo, Jacutinga tem pelo menos 3 lifers: estalador, fura-barreira e arredio-do-rio. O bico-reto-de-banda-branca é comum na região, e o Geiser conhece pontos com boas chances de ver a sanã-parda e o vite-vite-de-olho-cinza.

Em julho de 2010 Jacutinga me rendeu fotos lindas de um gavião-de-rabo-branco melânico, alçando voo de um galho, relativamente perto. Está a 275mm, puxei o zoom pra trás porque eu me conheço e sei que seria bem possível errar o enquadramento. A gente avistou o bicho, o Geiser parou o carro, fui caminhando até ele. O Geiser disse que nunca tinha visto alguém chegar tão perto desse gavião, ele deve falar isso para os outros clientes, mas é sempre bom de acreditar :o)

Em abril de 2011 fotografei uma das aves mais raras que já vi: o caboclinho-de-chapéu-cinzento. Na época havia pouquíssimos registros dele no Wikiaves. Ainda hoje, há menos de 50 fotos.

Em 2012 não consegui ir pra Jacutinga. Tentei uma vez, mas foi em cima da hora, e o Geiser já estava com outro cliente. Agora voltei lá, e além de fotos ótimas de aves comuns em display ou em cenários bonitos, insetos, a visão do amanhecer nos brejos que ainda restam, a alegria de topar com o pica-pau-rei com aquele tamborilar retumbante, ou andar por uma trilha e ver um pavó cruzar nosso caminho e pousar! (atrás de folhas, infelizmente. Mas sempre digo que se fosse fácil não teria graça), ainda teve a caçada aérea mais emocionante que já vi:

O incrível gavião que (eu achava que) carregava dois filhotões

Tínhamos parado por um japacanim pousado na beira da estrada. O Geiser tocou o playback e chegou o outro, e eles fizeram o display na nossa frente. Essas aves sempre fazem display, mas eu nunca tinha visto tão de perto. Rendeu minhas melhores fotos dessa ave. Demos uma olhada na estrada, e na hora de voltar para o carro, o Geiser falou “tem uma perseguição no céu”. Apontei a câmera, não tentei ajustar nada das regulagens, e só me esforcei pra focar e acompanhar os bichos. Dava para ver que o gavião-de-rabo-branco carregava algo grande nas garras, pensamos até que era um pequeno mamífero. Ele era perseguido por outro gavião-de-rabo-branco, menor, provavelmente um macho, e um caracará. O Geiser disse que havia um outro gavião-de-rabo-branco perseguindo, devia ter, mas confesso que não lembro exatamente da cena, e não tenho foto dos 4 juntos, só de 3. O gavião que segurava a presa era muito habilidoso, mesmo com o peso extra ele deu olé nos outros gaviões e sumiu.

Claro, tudo isso durou alguns segundos, mas a gente sempre se sente privilegiado por presenciar uma cena dessas.

À noite, vendo as fotos no notebook dei um zoom e vi algo incrível: o gavião não carregava um pequeno mamífero, e sim dois filhotões de aves. O gavião segura um dos filhotes com as duas garras – o que está com os dedos bem visíveis, e o outro parece “encaixado”  entre as pernas – desfalecido com a cabeça virada pra cima. Como se o gavião tivesse pegado um, ajeitado entre as pernas, e depois atacado o outro com as duas garras.

Fiquei pensando que era isso, e a primeira versão do post dizia que eram dois filhotes. Mas depois conversando com os colegas passarinheiros e reolhando as fotos com muita atenção, concluímos que o mais provável é ser apenas um, mas como está morto e esmagado, o corpo assumiu uma posição na foto de abertura em que dá pra pensar que são dois filhotes, mas é apenas um esticado e numa pose estranha.

Peço desculpas pela foto não ser grande coisa. Eu estava com uma câmera de 36MP, lente 500mm, tripé. Mas eles estavam longe, se caçando no céu, minha lente é 6.3, e não consegui testar alguma regulagem antes. Mas foi maravilhoso de qualquer jeito, e ficamos um bom tempo discutindo a identidade do predado.

Nessa mesma tarde ainda tivemos o prazer de observar por um tempo uma família de chorões, não sem antes passar por um lago e ter o prazer de ver uma águia-pescadora, uma espécie nova para a lista de Jacutinga.

No dia anterior (quarta-feira), além das lindas cenas no brejo, do fura-barreira dando mole, aparição do soldadinho, ainda tive um bom momento em uma beira de estrada cheia de borboletas e libélulas. Havia dezenas, de pelo menos 6 espécies diferentes de borboletas, e pelo menos 3 tipos de libélulas. No sol do meio dia, mas ainda fiquei um bom tempo por lá, você se sente num lugar encantando.

A sexta-feira rendeu poucas fotos. Fomos a uma mata muito bonita, mas as aves não estão pra playback, e as que passaram, eram no alto das árvores. Depois partimos pra Monte Alegre do Sul, o Cris e o Daniel iriam nos encontrar lá na Pousada da Fazenda, do amigo Gonzaga.  Chegamos no fim da tarde, mas não demos muita sorte.

O fim de semana foi em ritmo leve, com criança (o Daniel tem 9 anos), mas também rendeu ótimas fotos. Conto no outro post.

Agradeço muito ao Geiser Trivelato pela competência e dedicação, e também agradeço muito a toda família Trivelato pelo grande carinho com que me tratam sempre que os encontro. O Paulo Casemiro, cunhado do Geiser, também já foi contaminado pelo bichinho e tem passarinhado bastante.

Jacutinga é um lugar para passarinhar com tranquilidade, sossego, e voltar sempre com ótimas fotos.

Nesta página há mais informações sobre a cidade, e exemplos das fotos de alguns dos clientes do Geiser: http://virtude-ag.com/jacutinga/

Descrição dos locais visitados e principais aves que vimos (elaborado pelo Geiser)

Quarta-feira, dia 1/maio/13

– brejinho entre os bairros Vale das Flores e Vale das Primaveras II (tesoura-do-brejo, pia-cobra)

– depois observações na mata ciliar nas proximidades da ponte de ferro do Sapé (ariramba, guaracava-cinzenta fêmea, choca-barrada fêmea, estalador, fura-barreira)

Rápida passagem pela nossa chácara no bairro Choquete (picapauzinho-verde-carijó, encontro)

Após o almoço:

– parada na mata nas margens do Rio das Pedras na divisa entre Jacutinga e Monte Sião, nas proximidades do bairro Labegalini (soldadinho, sabiá-una).

– parada na mata da Fazenda Santa Maria nas proximidades do distrito de Sapucaí e próximo ao Rio das Pedras (arapaçu-verde, chocão-carijó).

Quinta-feira, dia 2/maio

– primeira parada na estrada próximo ao bairro dos Vieiras. Pintassilgo macho de pertinho. Logo depois em um fragmento de mata nas proximidades do Lucatteli nas margens do Ribeirão de São Paulo (pica-pau-rei, casal de arirambas).

– segunda parada no matão nas proximidades do distrito de São Sebastião dos Robertos (saíra-de-chapéu-preto, soldadinho, marianinha-amarela)

À tarde: continuamos o trajeto partindo do distrito de São Sebastião dos Robertos seguindo para o sentido de Congonha, passando por alguns brejinhos neste trajeto (aquele das inúmeras borboletas por ex.) até sair na rodovia nas proximidades do Canelão – bairro Congonhas, próximo à divisa com Ouro Fino (joão-bobo, japacanim em display, perseguição do gavião-de-rabo-branco, águia-pescadora, família de chorões)

Sexta-feira, dia 3/maio

Matão da Serra Morena (saíra-ferrugem, borralhara).

Ida para Monte Alegre do Sul (assunto para outro post).

Lista de espécies vistas / ouvidas em Jacutinga nos dias 1 e 2 (e um pouco do dia 3) de maio de 2013. 148 espécies.

Nome do Táxon Nome em português English name
Crypturellus tataupa Inhambu-chintã Tataupa Tinamou
Cairina moschata Pato-do-mato Muscovy Duck
Phalacrocorax brasilianus Biguá Neotropic Cormorant
Tigrisoma lineatum Socó-boi Rufescent Tiger-Heron
Butorides striata Socozinho Striated Heron
Bubulcus ibis Garça-vaqueira Cattle Egret
Ardea cocoi Garça-moura Cocoi Heron
Ardea alba Garça-branca-grande Great Egret
Syrigma sibilatrix Maria-faceira Whistling Heron
Egretta thula Garça-branca-pequena Snowy Egret
Mesembrinibis cayennensis Coró-coró Green Ibis
Theristicus caudatus Curicaca Buff-necked Ibis
Mycteria americana Cabeça-seca Wood Stork
Cathartes aura Urubu-de-cabeça-vermelha Turkey Vulture
Coragyps atratus Urubu-de-cabeça-preta Black Vulture
Elanus leucurus Gavião-peneira White-tailed Kite
Ictinia plumbea Sovi Plumbeous Kite
Heterospizias meridionalis Gavião-caboclo Savanna Hawk
Rupornis magnirostris Gavião-carijó Roadside Hawk
Buteo albicaudatus Gavião-de-rabo-branco White-tailed Hawk
Pandion haliaetus Águia-pescadora Osprey
Caracara plancus Caracará Southern Caracara
Milvago chimachima Carrapateiro Yellow-headed Caracara
Falco sparverius Quiriquiri American Kestrel
Falco femoralis Falcão-de-coleira Aplomado Falcon
Aramides cajanea Saracura-três-potes Gray-necked Wood-Rail
Pardirallus nigricans Saracura-preta Blackish Rail
Cariama cristata Seriema Red-legged Seriema
Vanellus chilensis Quero-quero Southern Lapwing
Columbina talpacoti Rolinha-roxa Ruddy Ground-Dove
Columbina squammata Fogo-apagou Scaled Dove
Columba livia Pombo-doméstico Rock Dove
Patagioenas picazuro Pombão Picazuro Pigeon
Zenaida auriculata Pomba-de-bando Eared Dove
Leptotila verreauxi Juriti-pupu White-tipped Dove
Periquitão-maracanã White-eyed Parakeet
Aratinga aurea Periquito-rei Peach-fronted Parakeet
Forpus xanthopterygius Tuim Blue-winged Parrotlet
Brotogeris chiriri Periquito-de-encontro-amarelo Yellow-chevroned Parakeet
Pionus maximiliani Maitaca Scaly-headed Parrot
Piaya cayana Alma-de-gato Squirrel Cuckoo
Crotophaga ani Anu-preto Smooth-billed Ani
Guira guira Anu-branco Guira Cuckoo
Chlorostilbon lucidus Besourinho-de-bico-vermelho Glittering-bellied Emerald
Megaceryle torquata Martim-pescador-grande Ringed Kingfisher
Chloroceryle amazona Martim-pescador-verde Amazon Kingfisher
Galbula ruficauda Ariramba-de-cauda-ruiva Rufous-tailed Jacamar
Nystalus chacuru João-bobo White-eared Puffbird
Ramphastos toco Tucanuçu Toco Toucan
Picumnus cirratus Pica-pau-anão-barrado White-barred Piculet
Melanerpes candidus Birro, pica-pau-branco White Woodpecker
Veniliornis spilogaster Picapauzinho-verde-carijó White-spotted Woodpecker
Colaptes campestris Pica-pau-do-campo Campo Flicker
Campephilus robustus Pica-pau-rei Robust Woodpecker
Hypoedaleus guttatus Chocão-carijó Spot-backed Antshrike
Mackenziaena severa Borralhara-preta Tufted Antshrike
Thamnophilus doliatus Choca-barrada Barred Antshrike
Thamnophilus caerulescens Choca-da-mata Variable Antshrike
Thamnophilus ruficapillus Choca-de-chapéu-vermelho Rufous-capped Antshrike
Dysithamnus mentalis Choquinha-lisa Plain Antvireo
Conopophaga lineata Chupa-dente Rufous Gnateater
Sittasomus griseicapillus Arapaçu-verde Olivaceous Woodcreeper
Xiphorhynchus fuscus Arapaçu-rajado Lesser Woodcreeper
Lepidocolaptes angustirostris Arapaçu-do-cerrado Narrow-billed Woodcreeper
Furnarius figulus Casaca-de-couro-da-lama Wing-banded Hornero
Furnarius rufus João-de-barro Rufous Hornero
Synallaxis ruficapilla Pichororé Rufous-capped Spinetail
Synallaxis spixi João-teneném Spix’s Spinetail
Certhiaxis cinnamomeus Curutié Yellow-chinned Spinetail
Phacellodomus ferrugineigula João-botina-do-brejo Orange-eyed Thornbird
Syndactyla rufosuperciliata Trepador-quiete Buff-browed Foliage-gleaner
Philydor rufum Limpa-folhas-de-testa-baia Buff-fronted Foliage-gleaner
Automolus leucophthalmus Barranqueiro-de-olho-branco White-eyed Foliage-gleaner
Hylocryptus rectirostris Fura-barreira Chestnut-capped Foliage-gleaner
Lochmias nematura João-porca Sharp-tailed Streamcreeper
Xenops rutilans Bico-virado-carijó Streaked Xenops
Leptopogon amaurocephalus  Cabeçudo Sepia-capped Flycatcher
Corythopis delalandi Estalador Southern Antpipit
Todirostrum poliocephalum Teque-teque Yellow-lored Tody-Flycatcher
Myiopagis caniceps Guaracava-cinzenta Gray Elaenia
Elaenia flavogaster Guaracava-de-barriga-amarela Yellow-bellied Elaenia
Elaenia mesoleuca Tuque Olivaceous Elaenia
Elaenia obscura Tucão Highland Elaenia
Camptostoma obsoletum Risadinha Southern Beardless-Tyrannulet
Capsiempis flaveola Marianinha-amarela Yellow Tyrannulet
Tolmomyias sulphurescens Bico-chato-de-orelha-preta Yellow-olive Flycatcher
Myiophobus fasciatus Filipe Bran-colored Flycatcher
Hirundinea ferruginea Gibão-de-couro Cliff Flycatcher
Lathrotriccus euleri Enferrujado Euler’s Flycatcher
Cnemotriccus fuscatus Guaracavuçu Fuscous Flycatcher
Knipolegus lophotes Maria-preta-de-penacho Crested Black-Tyrant
Satrapa icterophrys Suiriri-pequeno Yellow-browed Tyrant
Xolmis cinereus Primavera Gray Monjita
Xolmis velatus Noivinha-branca White-rumped Monjita
Gubernetes yetapa Tesoura-do-brejo Streamer-tailed Tyrant
Fluvicola nengeta Lavadeira-mascarada Masked Water-Tyrant
Arundinicola leucocephala Freirinha White-headed Marsh-Tyrant
Colonia colonus Viuvinha Long-tailed Tyrant
Machetornis rixosa Suiriri-cavaleiro Cattle Tyrant
Myiozetetes similis Bentevizinho-de-penacho-vermelho Social Flycatcher
Pitangus sulphuratus Bem-te-vi Great Kiskadee
Myiarchus ferox Maria-cavaleira Short-crested Flycatcher
Pyroderus scutatus Pavó Red-ruffed Fruitcrow
Antilophia galeata Soldadinho Helmeted Manakin
Chiroxiphia caudata Tangará Blue Manakin
Pachyramphus castaneus Caneleiro Chestnut-crowned Becard
Cyclarhis gujanensis Pitiguari Rufous-browed Peppershrike
Hylophilus amaurocephalus Vite-vite-de-olho-cinza Gray-eyed Greenlet
Cyanocorax cristatellus Gralha-do-campo Curl-crested Jay
Pygochelidon cyanoleuca Andorinha-pequena-de-casa Blue-and-white Swallow
Stelgidopteryx ruficollis Andorinha-serradora Southern Rough-winged Swallow
Troglodytes musculus Corruíra Southern House-Wren
Turdus flavipes Sabiá-una Yellow-legged Thrush
Turdus rufiventris Sabiá-laranjeira Rufous-bellied Thrush
Turdus leucomelas Sabiá-barranco Pale-breasted Thrush
Mimus saturninus Sabiá-do-campo Chalk-browed Mockingbird
Coereba flaveola Cambacica Bananaquit
Schistochlamys ruficapillus  Bico-de-veludo Cinnamon Tanager
Nemosia pileata Saíra-de-chapéu-preto Hooded Tanager
Trichothraupis melanops Tiê-de-topete Black-goggled Tanager
Hemithraupis ruficapilla Saíra-ferrugem Rufous-headed Tanager
Tachyphonus coronatus Tiê-preto Ruby-crowned Tanager
Ramphocelus carbo Pipira-vermelha Silver-beaked Tanager
Thraupis sayaca Sanhaçu-cinzento Sayaca Tanager
Pipraeidea melanonota Saíra-viúva Fawn-breasted Tanager
Tangara cayana Saíra-amarela Burnished-buff Tanager
Dacnis cayana Saí-azul Blue Dacnis
Conirostrum speciosum Figuinha-de-rabo-castanho Chestnut-vented Conebill
Zonotrichia capensis Tico-tico Rufous-collared Sparrow
Sicalis flaveola Canário-da-terra-verdadeiro Saffron Finch
Embernagra platensis Sabiá-do-banhado Great Pampa-Finch
Volatinia jacarina Tiziu Blue-black Grassquit
Sporophila lineola Bigodinho Lined Seedeater
Sporophila caerulescens Coleirinho Double-collared Seedeater
Sporophila leucoptera Chorão White-bellied Seedeater
Saltator similis trinca-ferro-verdadeiro Green-winged Saltator
Parula pitiayumi Mariquita Tropical Parula
Geothlypis aequinoctialis Pia-cobra Masked Yellowthroat
Basileuterus hypoleucus Pula-pula-de-barriga-branca White-bellied Warbler
Icterus cayanensis Encontro Epaulet Oriole
Gnorimopsar chopi Pássaro-preto Chopi Blackbird
Chrysomus ruficapillus Garibaldi Chestnut-capped Blackbird
Pseudoleistes guirahuro Chopim-do-brejo Yellow-rumped Marshbird
Carduelis magellanica Pintassilgo Hooded Siskin
Euphonia chlorotica Fim-fim Purple-throated Euphonia
Chlorophonia cyanea Bandeirinha Blue-naped Chlorophonia
Estrilda astrild Bico-de-Lacre Common Waxbill
Passer domesticus Pardal House Sparrow

 

Mais relatos de viagens

One Response to Passeio em Jacutinga – MG, maio/13